24.5 C
Santo Antônio de Jesus
quarta-feira, 22 setembro, 2021

Após cinco cirurgias cerebrais, Alex Zanardi apresenta melhora e já se comunica com as mãos

Relacionados

Alex Zanardi em ação na Paralimpíada do Rio — Foto: REUTERS/Ricardo Moraes

Após seis meses de internação e cinco cirurgias no cérebro, Alessandro Zanardi vem apresentando melhoras nas últimas semanas. Segundo reportagem desta segunda-feira do jornal italiano Corriere della Sera, o ex-piloto e atleta paralímpico está consciente e já se comunica com sinais. Zanardi recuperou os movimentos das mãos recentemente e já é capaz de fazer um “ok”. A visão e a audição do italiano também foram recuperadas.

Ainda sem previsão de alta, Zanardi seguirá em tratamento em um hospital de Pádua, perto da casa de sua família. Em novembro, ele foi transferido de unidade após passar por cirurgias cerebrais e faciais em Siena e no hospital San Raffaele de Milão.

Apesar da melhora, o ex-astro da Fórmula 1 e da Fórmula Indy ainda não consegue falar, pois o buraco em sua traqueia está sendo mantido aberto por precaução. Zanardi só tem tido contato com médicos, enfermeiros e com sua esposa, Daniela.

Maior campeão do Paraciclismo nos Jogos Paralímpicos, com quatro medalhas de ouro e duas de prata Zanardi foi colocado em coma induzido após sofrer graves lesões cerebrais e faciais em uma colisão com um caminhão durante uma corrida de bicicletas próximo à Siena, na Itália.

O italiano de 54 anos virou paratleta após sofrer um acidente em 2001 no circuito oval EuroSpeedway Lausitz, na Alemanha, quando teve de amputar as duas pernas por conta do grave comprometimento dos membros. A partir de 2003, ele ainda competiu no automobilismo em carros adaptados antes de descobrir o paraciclismo em 2007.

Fonte: Ge

spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

+ Notícias

Por que você deve prestar atenção ao seu coração se teve COVID-19

Conforme conhecemos cada vez mais sobre o comportamento do novo coronavírus, mais aprendemos sobre a recuperação dos pacientes infectados. O...