24.5 C
Santo Antônio de Jesus
terça-feira, 22 junho, 2021

Vídeo: Baiano repercute na web com versão rural de vinheta de fim de ano da Globo

Relacionados

Hoje é um novo dia de um novo tempo que começou…”. Um morador da zona rural de Serrinha, cidade a aproximadamente 170km de Salvador, na Bahia, saiu na frente da Globo, dona da tradicional vinheta de fim de ano da musiquinha, e publicou seu clipe com um versão interiorana e animada, que vem bombando na internet há dois dias. Claudinei Lima, de 25 anos, reuniu a mãe, de 54, e os amigos próximos, todos vestidos de branco, para cantar e dançar o tema musical que costuma embalar os grandes medalhões da emissora carioca.

Na paródia, tem gente saindo por trás do capim e do poste, do galinheiro, de dentro da caixa d’água, sentada no carrinho de mão… A publicação conquistou gente famosa como os cantores Mumuzinho, Solange Almeida e Gabi Melim, e a atriz Cleo, que teceram comentários às gargalhadas. As atrizes Paolla Oliveira, Flávia Alessandra e Monica Iozzi e a humorista Dadá Coelho também compartilharam o vídeo em suas redes sociais.

— Quando eu vi na TV que a Globo já ia lançar a vinheta deles, corri para fazer a minha. Lancei logo ao meio-dia do dia 1º de dezembro — conta o influenciador digital, mais conhecido pelo apelido de Ney, que diz ter achado ótima a saída que a emissora encontrou para driblar a Covid-19, transformando seus artistas em caricaturas para se abraçarem: — Ficou tudo lindo! Pena que eu não tenho essas tecnologias todas aqui em casa para inventar moda!

O baiano afirma que onde mora o coronavírus não chegou:

— Então, convoquei todo mundo que costuma participar dos meus vídeos e quis fazer tipo uma confraternização mesmo. Disse pra virem vestidos de branco dos pés à cabeça, mas alguns não entenderam a proposta e usaram shorts jeans e colorido, fazer o que, né, amiga? Eu mesmo fui procurar no meu guarda-roupa e percebi que não tinha nenhum vestidinho branco. Comprei um no sábado, só pra ocasião.

As locações da produção — que, até o início da noite desta quinta-feira, já tinha atingido 1,7 milhão de visualizações — foram o quintal da casa da mãe, Maria de Lourdes (conhecida como Babu), e o terreno de um vizinho, na cena final em que todo o “elenco” (cerca de 15 pessoas) caminha alegremente em direção à câmera do celular.

— Minha mãe é discreta, não gosta de se expor. Tive que mentir pra ela, dizendo que o vizinho sabia que a gente gravaria nas terras dele, senão ela não deixaria de jeito nenhum! Mas sempre que eu falo que ela vai ganhar um dinheiro para participar dos meus vídeos, logo se anima. Pago cachê até de R$ 200 pra minha mãe, acredita? Dinheiro que eu costumava levar um mês inteiro trabalhando pra ganhar — entrega Ney, contando que os amigos topam as empreitadas só em troca da divulgação de seus perfis: — O que eles querem é ganhar engajamento e se divertir.

Antes de se tornar um influenciador digital de sucesso, com 3,8 milhões de seguidores no Instagram, o rapaz já deu expediente como catador de lixo, trabalhador doméstico, embalador de compras em supermercado e balconista de padaria:

— Eu decidi que não queria mais levar aquela vida difícil. Comecei a fazer vídeo dançando, enquanto trabalhava em casa de família. Depois passei a fazer piada das situações do dia a dia e fui ganhando cada vez mais público. Meu primeiro vídeo que viralizou foi em maio de 2017. Agora, já faço renda com publicidades e eventos. Consegui a minha prórpia casa, mais no centro da cidade, e estou com a meta de agora ter o meu carro.

Fã e amigo da cantora Solange Almeida, Ney conta que também troca mensagens pelas redes sociais com Cauã Reymond e Grazi Massafera, que o seguem.

— Grazi se diverte com as minhas publicações e diz que separa os posts a que Sofia, filha dela, pode assistir. A menina me adora, mas tem coisa que eu publico que realmente é pesada, como os vídeos que eu fiz na época das eleições — assume Ney, dizendo que as críticas que recebe costumam ser justamente pela não-censura: — Meu conteúdo é adulto, os pais é que têm que cuidar, selecionar o que os filhos vão poder ver, né?

Fonte:extra.globo

spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

+ Notícias

Rafael Colombo deixa quadro na ‘CNN’ por causa de Alexandre Garcia: Entenda o motivo

O jornalista Rafael Colombo pediu para deixar de apresentar o quadro “Liberdade de Opinião”, na CNN Brasil, após um ano. Segundo...